Cada sentimento tem uma missão

.
A raiva pode mudar tudo. Desconstruimos as coisas e temos a oportunidade de renascer.
A tristeza, em mim, dá profundidade, traz junto a compaixão, compreensão.
O amor esquenta, acolhe, me conduz gentilmente à gratidão. Que me mostra a felicidade, que tudo vale à pena, se a alma não é pequena, como já disse aquele poeta.
O desejo me mostra a falta… a carência.
A dor me aterra, me joga na cara o que não está bom, me desconforta, tira o tom da musica. A decepção me coloca em contato direto com a realidade. Escancara minhas loucas ilusões sustentadas por expectativas floridas (geralmente) que não quero enxergar.
A alegria me expande, me compartilha!
Interromper, julgar, resistir, esconder de mim mesmo qualquer um deles que seja me limita, me angústia, me paralisa.
Integre, flua!
(por Paula Jacome, um pensamento de hoje, inspirado por uma meditação de ontem)

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *